Féminines / Feminino

Wendie Renard: "2006-2026, é isso"

Published on 11 maio 2022 at 4:02

presented by  presented by Women

Wendie Renard : « 2006-2026, tout est dit »
Após a renovação de seu contrato, nossa zagueira e capitão esteve presente na coletiva de imprensa ao lado de Jean-Michel Aulas, Vincent Ponsot e Bruno Cheyrou para responder as questões dos jornalistas. A coletiva está disponível na íntegra na OLPLAY.

Wendie Renard

"Queria agradecer a direção pela confiança... Seguir aqui não era um problema, pois conheço os valores do clube, mas havia uma pequena parte de mim que queria ir para o outro lugar. Queria sair, mas depois de refletir e do meu centésimo jogo na Women's Champions League, escolhi seguir no OL, pois tenho a garantia de que jogarei a Champions todos anos, além de poder vencê-la. 2006-2026, é isso. Pensei que se saísse do OL, não poderia mais continuar a escrever a história que escrevi. Cresci com o clube, então não poderia deixá-lo assim facilmente. Não são férias, continuarei a dar o máximo para permitir com que o OL siga vencendo. Tudo é possível para o fim da minha carreira. Ainda tenho alguns anos pela frente, mas também não sou tão jovem assim. Tenho muitas opções após minha aposentadoria. Gosto de números redondos, então quero os 40 títulos. Restam nove para vencer, talvez alguns mais. A NWSL é um bom campeonato, então não fecho as postas, ainda mais tendo o OL Reign como possibilidade. Mas meu corpo é meu instrumento de trabalho. Ir e voltar dos Estados Unidos e França pode ser complicado para meu corpo ainda mais na minha idade. Perder títulos e jogos é normal no esporte, mas sei que devemos encontrar um meio para ganhar no futuro próximo. Tenho só boas lembranças do OL, que seja com as jogadoras ou a comissão técnica".

 

Jean-Michel Aulas

"Estamos muito felizes. É um privilégio estar ao lado da melhor jogadora do mundo e da maior promessa do mundo. Todos os dois são frutos da instituição OL. Todo mundo conhece a história fantástica de Wendie. Sonhava ter jogadores que pudessem ganhar tantos títulos assim fazendo toda sua carreira no OL. Ela era desejada por muitos times. O OL apresentou perspectivas e um projeto, que é vencer o máximo de títulos. Prometemos que vamos escrever essa história".

 

Vincent Ponsot

"Wendie está ligada ao OL, é um critério importante para nós. Não é algo neutro".

 

Bruno Cheyrou

"Estamos felizes por ter Wendie num longo prazo. Ela representa muito para o OL e para o futebol feminino. É a garantia de que estamos conservando ambições elevadas no clube. É a melhor defensora do mundo. Agradeço ela pela confiança".